quarta-feira, 29 de julho de 2020

Comprar em Segunda Mão: As Melhores Dicas | Versão Lojas Físicas


Comprar em segunda mão é uma indústria que tem verificado um crescimento exponencial dentro do mundo da moda e que, por isso mesmo, não pode ser ignorada. Na verdade, são bastantes os benefícios por detrás desta reutilização de peças, sejam ambientais ou até mesmo sociais, mas essas questões ficarão para debater num futuro próximo. Até lá, é impossível negar que qualquer amante de moda tem-se sentido tentado a espreitar as melhores oportunidades nestas lojas e, assim sendo, decidi criar um guia que ajudará qualquer pessoa a encontrar os melhores achados second-hand. Hoje, irei debruçar-me sobre as lojas físicas.

1. Não tenhas medo de mexer e remexer

Quando vou a uma loja física em segunda mão, faço questão de virar e revirar todos os cabides que se encontram à minha frente. Contrariamente a uma loja de roupa normal, as peças não se encontram dispostas de modo a aliciar os consumidores, tornando-se quase numa caça ao tesouro onde temos de ser nós a encontrar a relíquia final. Por isso é que é tão importante vermos cada peça, em vez de desistir após ver uma manga menos bonita no cabide. 


2. Segue o teu esquema de cores

Como é óbvio, se seguirmos a dica anterior à risca serão necessárias horas e horas até vermos todo o conteúdo da loja. Por isso mesmo, eu limito-me a procurar peças nas secções de cores que me interessam e que se enquadram no meu armário - não só porque o meu próprio estilo tem um esquema de cores já pré-definido, mas também porque as cores são muito mais facilmente reconhecíveis num cabide do que um formato ou um tamanho.


3. Todas as secções contam

E se numa loja típica de fast fashion eu me limito à secção de mulher, numa loja em segunda mão esse limite desaparece por completo. Secção de homem, de criança, de pijama e o que houver... Os melhores achados não escolhem estilos e quem sabe se não poderás encontrar um top de renda perfeito para looks do dia a dia, mas que alguém usava como pijama!


4. Decora detalhes associados às marcas que queres encontrar

Para quem procura marcas específicas em lojas de segunda mão, esta dica é essencial. Apesar de não me regular muito por marcas ou símbolos, quando passo pela secção das calças de ganga gosto sempre de espreitar se há algum par de Levi's... E como faço para não demorar uma eternidade? Decoro o formato dos bolsos de trás (cada marca de calças de ganga revela um design específico para os bolsos de trás que é repetido em todos os modelos) e assim consigo descobri-las muito mais rapidamente!



5. Dica extra: Leva o teu próprio saco

Esta não é propriamente uma dica essencial, mas não deixa de ser importante. Se estamos a fazer compras em segunda mão e sabemos os benefícios ambientais que advêm dessa escolha, porque não sermos coerentes e levarmos também um saco reutilizável? Tenho a certeza de que não custa nada e fará uma diferença gigantesca para o ambiente.

____________________________________________________________________________

Costumam fazer compras em segunda mão? Eu gosto bastante e admito que tem sido dos poucos sítios onde tenho comprado peças nos últimos meses. Não há melhor sensação do que encontrar um bom achado, a um preço acessível e que irá encontrar no nosso armário uma nova casa!

xoxo,

M.

Publicar um comentário