In Organization Successful Life

(Re)Avalia os teus Objetivos Anuais || Mid-Year Planning


Olá! Apesar de já ter passado um mês desde aquilo que verdadeiramente consideramos ser "mid-year", é em julho que eu sinto a necessidade de reorganizar os meus objetivos, pois é neste mês que, para mim, se iniciam as férias e o verdadeiro verão. Assim, e para que eu própria não perca o rumo no meio de tantas tentações em ficar no sofá a ver séries o dia todo, decidi trazer-vos algumas dicas de como podemos reavaliar os nossos objetivos planeados em janeiro, de modo a que não paremos de trabalhar para concretizar os nossos objetivos, mesmo quando a procrastinação nos chama.


Em primeiro lugar, diz-me, ainda tens a tua lista de objetivos para 2019? Se a resposta for não, este é o primeiro passo que tens de seguir: vai buscá-la, limpa-lhe o pó e deixa-a respirar e ganhar vida de novo. Apenas quando tiveres a lista na tua mão e reveres tudo aquilo a que te tinhas prometido dedicar durante este ano é que poderás concretizar os passos seguintes. Porque sim, o mais importante no meio de todo este processo, e o que estou a tentar fazer com esta publicação, é voltares a sentir a mesma motivação que sentiste no dia 1 de janeiro de 2019 quando decidiste e idealizaste a tua vida de sonho.

Passo 1: Fazer uma retrospetiva dos teus objetivos

Este passo é muito simples e consiste, essencialmente, em dividires os objetivos presentes na tua lista em três categorias:

  • Objetivos concretizados;
  • Objetivos não concretizados;
  • Objetivos que já não fazem sentido concretizar.
Passo 2: Recompensar-te pelos objetivos concretizados

E porque as tuas pequenas vitórias não te devem passar ao lado, há que celebrar e agradecer por tudo aquilo que já conseguiste concretizar até ao dia de hoje. Mesmo que seja apenas 1 ou 2 pontos da lista, mesmo que seja meio ponto da lista, há que reconhecer aquilo que conseguiste realizar e recompensar-te por isso.

Um exemplo? Permite-te passar uma tarde na praia ou simplesmente vai tomar um café fora ao teu sítio favorito. Por vezes, as pequenas coisas são as mais simbólicas.

Passo 3: Rever o "game plan" para os objetivos não concretizados

Isto é, perceber as razões que estão na base de ainda não teres concretizado os objetivos em questão. Por vezes, é uma mera questão de tempo e simplesmente ainda não passou o tempo necessário para que este ponto se tornasse realidade. No entanto, também podem existir objetivos que apenas ainda não se concretizaram porque te esqueceste que os tinhas escrito ou porque não tens trabalhado para a sua concretização.

Aqui, vais dar um trabalho de casa a ti mesmo, onde irás escrever passo por passo o que ainda é preciso fazer para que este objetivo passe para o lado dos "concretizados".

Passo 4: Retirar e adicionar novos objetivos

Ter objetivos que já não fazem sentido realizar é completamente normal e compreensível. Já não somos a mesma pessoa que éramos em janeiro e, por isso, a nossa visão em relação ao que queremos para a nossa vida mudou. O que fazer agora? Tens duas opções:
  • Substituir os objetivos em questão por versões "atualizadas" dos mesmos;
  • Retirá-los da lista e adicionar um número de objetivos equivalentes aos retirados, mas que concernem diferentes áreas da tua vida.
Passo 5: Reencontrar motivação

Mais uma vez, é completamente normal chegares ao mês de julho muito menos motivado do que estavas no início do ano - já tens o desgaste de 6 meses de trabalho em cima e isso começa a fazer-se sentir na tua determinação e vontade de agarrar novos projetos. No entanto, é essencial combater isso, já que ainda temos mais 6 meses à nossa frente, onde muita coisa poderá acontecer. Como é que podes reacender a chama?
  • Lê livros e publicações, vê vídeos no YouTube ou ouve podcasts sobre inspiração, motivação ou até mesmo sobre a área em específico onde queres trabalhar;
  • Conta os teus objetivos a alguém próximo e pede a essa pessoa que te pergunte todas as semanas se fizeste tudo o que prometeste fazer para a semana;
  • Segue pessoas nas redes sociais que te inspirem a seres a melhor versão de ti mesmo;
  • Faz uma pausa.
E, de todos, deixem-me só voltar a referir a importância do "faz uma pausa". Por vezes, a melhor forma de reencontrares a tua motivação é através de recarregar energias, pois ninguém aqui é um super-homem ou uma super-mulher... Todos precisamos de descansar de vez em quando e a nossa falta de motivação pode também ser um sinal do nosso corpo a dizer que precisamos de abrandar um pouco o ritmo.

Aproveita o verão, tira uns dias de férias, e depois volta com toda a força.

xoxo,


Related Articles

2 comentários:

  1. Também gosto de fazer esta reavaliação dos meus meus objetivos. Todos os anos existem aqueles objetivos que eu penso "onde é que eu estava com a cabeça?" haha.
    Concordo contigo, por vezes, fazer uma pausa e desligar um pouco do mundo é o melhor que podemos fazer. :)

    littlewonderlandxo.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo, sou igual, existem objetivos que, quando chegamos a meio do ano, já não fazem sentido nenhum! É melhor pararmos um pouco, rever o nosso plano e voltar ao trabalho.
      Beijinhos

      Eliminar

Thank you so much!