In Travelling

The Berlin Guide



Olá! Situada no coração da Europa, está uma cidade onde a história e o passado se misturam subtilmente com o progresso - falo-vos de Berlim, a cidade que tive a sorte de visitar nos últimos dias. Para quem me acompanha no Instagram, já deve ter uma noção daquilo que visitei, pois partilhei tudo por lá, mas aqui pelo blog vou aprofundar cada ponto turístico e deixar-vos algumas dicas que adorava ter sabido no início desta viagem. Por isso, façam as vossas malas e comecem esta viagem comigo!

Sendo uma cidade gigantesca, com mais de 3 milhões de habitantes, é normal precisarmos de focar os pontos principais, que valem realmente a pena ser visitados. Assim, juntei neste guia esses mesmos highlights da cidade:


A L E X A N D E R P L A T Z

Não é propriamente um local de beleza pura, mas sim um essencial aquando de uma viagem a Berlim: um essencial porque é onde se encontra uma grande parte da restauração, das lojas e dos transportes públicos. Aqui, encontram um dos relógios mais famosos do mundo - que podem ver na foto de baixo - e que marca o fuso-horário das principais cidades do mundo.

// #TravelTip: Os transportes públicos de Berlim são variados e muito fáceis de utilizar. Basta recorrerem ao GoogleMaps e lá estarão todos os passos que têm de seguir, por isso, poupem dinheiro em táxis e ubers - esta alternativa é bastante mais barata e divertida! //

T E L E V I S I O N
T O W E R

Ao lado da Alexanderplatz, podem encontrar a grandiosa TV Tower (que, na verdade, se vê de quase todos os cantos da cidade). Por cerca de 16€ (com 20% de desconto para estudantes), poderão subir 203m e apreciar toda a cidade com uma vista privilegiada. Como fui num dia bastante nebulado, acabei por não ter direito à vista perfeita, por isso tenham em atenção as condições meteorológicas do dia que escolherem.

//#TravelTip: Quase tudo o que podes comprar em Berlim (bilhetes para museus, transportes públicos, etc.) revela uma tarifa reduzida para estudantes, que chega a ter descontos de 50%. //


C H E C K P O I N T
C H A R L I E

Um dos meus objetivos da visita a Berlim era alimentar um pouco da minha obsessão por História e pelo período da Segunda Guerra Mundial e tudo isso teve o seu início na visita ao Checkpoint Charlie - uma recriação de um dos pontos de passagem do lado Oeste de Berlim para o lado Este. Ao lado deste ponto, poderão ainda encontrar a BlackBox: um mini-museu grátis que vos explicará um pouco da História envolvente à IIGM e à divisão de Berlim.


P O S T D A M E R
P L A T Z

Tal como a Alexanderplatz, esta praça é conhecida essencialmente por mostrar o lado mais cosmopolita de Berlim. É de passagem rápida e não parece ter muito para visitar, a não ser pequenos pedaços do antigo Muro de Berlim que, tal como se encontram espalhados por outras partes da cidade, foram deslocalizados para serem uma lembrança constante de todo o período que representam.


H O L O C A U S T
M E M O R I A L

Também conhecido como o Memorial dos Judeus Mortos na Europa, este é um monumento grátis localizado no centro da cidade e cujo objetivo é, por um lado, relembrar todos aqueles que morreram às mãos do regime nazi e, por outro lado, deixar o visitante extremamente desconfortável. É um pequeno labirinto de pedra, que bloqueia o barulho da cidade envolvente, e que nos possibilita uma experiência arrepiante.

E, POR FAVOR, uma #traveltip gigante é aprenderem a respeitar locais que o merecem. Seja no Muro, seja neste Memorial ou em qualquer ponto representativo da IIGM, denotei uma gigante falta de respeito e até mesmo de desconhecimento por parte da maioria dos turistas que lá se encontravam. Se um local não tem significado para vocês (seja por não conhecerem a História por detrás ou por outro motivo qualquer), não o visitem simplesmente porque é "conhecido" ou para tirar fotos e mostrar que lá estiveram.


B R A N D E N B U R G
G A T E

Um dos monumentos que revela mais imponência e relevância na cidade de Berlim é claramente o Brandenburg Gate. Conhecido como o local onde o presidente americano Ronald Reagan anunciou a queda do Muro de Berlim, esta é uma das avenidas mais bonitas da cidade e que merece, sem dúvida, uma visita (ou várias).


R E I C H S T A G

O Parlamento Alemão é também um dos pontos a visitar em Berlim, não só por fora, como por dentro. Apesar de não ter tido a oportunidade de o fazer, é possível visitar a parte mais recente do Parlamento - a Dome - o que necessita de uma marcação prévia, mesmo sendo de entrada grátis.

// #TravelTip: Nos pontos turísticos conhecidos por terem grandes filas de entrada, procura previamente online se é possível marcar uma entrada ou comprar um passe prioritário. //


G E N D A R M E N M A R K T

Contrariamente às últimas duas praças de que vos falei, este é um local que merece ser visitado pela sua beleza. Aqui, podem encontrar três edifícios emblemáticos: a Konzerthaus, a Igreja Francesa e a Igreja Alemã.


E A S T S I D E
G A L L E R Y

O único local em Berlim onde ainda podem encontrar um pedaço do Muro exatamente onde ele se encontra desde 1961 é na East Side Gallery. Resumindo um pouco a história desta galeria, aquando da queda do Muro - em 1989 - uma grande parte dos artistas que se encontravam do lado Este quiseram deixar a sua arte no Muro, o que se concretizou com graffitis que têm vindo a ser renovados até 2009.

Aqui, podem encontrar o famoso graffiti que representa o beijo entre Brejnev (presidente da URSS) e o último presidente da Alemanha Oriental, Erich Honecker, e que, para mim, foi a maior desilusão do Muro. Isto não se deveu à arte em si, mas sim à forma como é tratado - literalmente, pensem na barreira de pessoas que se encontra à frente da Mona Lisa no Louvre e é basicamente isso. 


B E R L I N E R
D O M

A Catedral de Berlim foi, para mim, um dos locais mais bonitos que visitei nesta cidade. Como sou uma eterna apaixonada por Paris, sinto que este cantinho traz bastantes vibes parisienses à cidade e, por isso, encantou-me logo à primeira vista. Neste momento, a Catedral encontra-se em remodelação, mas não deixa de ter a sua beleza.


M U S E U M
I S L A N D

E, por fim, para os amantes de museus, Berlim só pode ser a cidade dos vossos sonhos: no mesmo local, podem encontrar 5 museus diferentes, aos quais podem aceder apenas com um único bilhete (18€ preço normal, ou 9€ para estudantes). Altes Museum, Neues Museum, Alte Nationalgalerie, Bode Museum e Pergamon Museum são os cinco nomes que compõem esta ilha e, apesar de só ter conseguido visitar o último, aconselho imenso a visita a toda esta zona.




Eu sei que isto acabou por ser uma publicação gigante, mas quis deixar-vos todos os pontos principais que Berlim tem para oferecer. Se querem marcar uma viagem e ainda têm algumas dúvidas, não hesitem em deixar as vossas questões, que irei responder a tudo!

E agora, qual o próximo destino?

xoxo,


Related Articles

6 comentários:

  1. Adorava visitar Berlim, e com o guia que aqui deixaste acho que seria super interessante e fácil organizar o tempo para conseguir ver tudo!!
    Beijinhos,
    LúciaFilipa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá! É uma cidade que vale mesmo a pena a visita e, com este guia, já ficas com uma ideias dos locais principais.
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Faz mais guias como este, adoro ler conteúdos como este, ajudam-me imenso a preparar as minhas viagem e a decidir qual é o próximo país a visitar!

    (p.s. Comecei a seguir-te à pouco tempo, mas tenho adorado ler os teus conteúdos!)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este ano vamos ter bastantes viagens, em princípio, por isso espero ter muitos mais guias para fazer. Obrigada, fico mesmo feliz que tenhas gostado!
      Beijinhos

      Eliminar
  3. Se é falta de respeito tirar fotos, porque é que fizeste o mesmo?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A falta de respeito não é tirar fotos no local, mas sim desprezá-lo do seu significado. Se visitamos locais tão históricos como os que mostrei aqui e não nos damos sequer ao trabalho de pesquisar um pouco do seu significado, considero uma falta de respeito ir até ao local só para tirar fotos.
      Mas cada um tem a sua opinião e esta é a minha! Espero ter-te esclarecido. Obrigada!

      Eliminar

Thank you so much!