In Looks Personal

Mudanças || Short Hair, Don't Care


Olá!
       Ai, mudanças, uma palavra que assusta tanta gente, mas que entusiasma outros tantos. Pessoalmente, é uma palavra que me traz mixed feelings, pois quando é algo requisitado por mim, é um alívio... no entanto, mudanças forçadas conseguem ser bastante desagradáveis. Mas hoje não vos venho falar desse último tipo de mudanças, venho sim falar-vos das mudanças provocadas por nós e que são necessárias à nossa felicidade - à nossa quebra da rotina monótona. Obviamente que não falo apenas das mudanças superficiais, como a mudança de corte de cabelo (que também vos trago e que também tem as suas importâncias), mas essencialmente de tudo aquilo que de diferente se tem passado no meu interior. Mas bem, vamos começar pelo princípio...


       Como vocês já sabem - já que estou farta de falar sobre isto - a minha vida deu ultimamente toda uma volta, planeada mas simultaneamente inesperada, que me tem vindo a mudar, a fazer crescer. Achei, então, que necessitava de mudar também algo em mim que viesse acompanhar a agitação da minha vida... claro está que tinha de mudar algo no meu exterior para refletir as diferenças que noto no meu interior. Daí ter-vos dito que, por vezes, as mudanças ditas "superficiais" conseguem ter uma grande importância, porque são uma maneira de nós próprios conseguirmos visualizar exteriormente, sempre que vemos o nosso reflexo no espelho, o facto de nos sentirmos a mudar interiormente. Talvez tenha sido essa a minha necessidade de voltar a cortar o cabelo, talvez tenha sido uma forma de me aliviar do stress - sem dúvida que menos cabelo significa menos peso - mas seja porque for, sentia a necessidade de mudar





       Vejo com muito bons olhos a palavra mudança, já vos disse na introdução que a acho essencial para quebrar a monotonia da nossa rotina, mas, mais do que isso, é uma forma de evoluirmos enquanto seres humanos e participantes numa sociedade que tanto gosta de se transformar. É por isso que crescemos, que mudamos de mentalidade, que saímos da nossa zona de conforto, do nosso lar... é pela necessidade de evoluir, de mudar, de crescer, de nos transformamos, que a nossa vida dá voltas inesperadas de 180º, mas que passados uns meses se voltam a tornar simples rotinas. Mudar de casa, mudar de cidade soube bem, soube mesmo muito bem! Não me arrependo em nada da minha decisão de ser capaz de ganhar a coragem para fugir de uma zona onde me sentia bem e segura e arriscar tudo isso em troca do sentimento de novidade, de independência, de responsabilidade. Todos nós, eventualmente, teremos de passar por uma situação assim, por isso queria deixar aqui a mensagem: NÃO TENHAS MEDO DE MUDAR.





       Não tenhas medo de mudar de penteado, não tenhas medo de mudar de casa, não tenhas medo de mudar de mentalidade, pois são tudo simples etapas da nossa vida. Se não estás bem, muda-te... se estás bem, muda-te também, porque provavelmente ainda podias estar melhor. E se correr mal? Bem, pelo menos tentaste, é que nós já merecemos tanto mérito por tentar! O importante é saber aprender com a mudança, independentemente de esta ter um impacto positivo ou negativo na nossa vida, pois quanto mais difícil estiver a ser uma etapa, mais fortes nos iremos tornar. E se não gostares dessa mudança? Lembra-te sempre que podes voltar a mudar!



       E como uma mudança nunca vem só, infelizmente também tenho uma má notícia para vos trazer: vamos voltar às duas publicações semanais, uma à terça e outra à sexta-feira, sempre às 19h. A universidade traz muita coisa atrás e espero que compreendam a minha necessidade de organização mental neste momento... Prefiro trazer-vos apenas duas publicações, mas que me orgulham, do que trazer três, feitas a despachar. Desculpem, mas é mais uma mudança com a qual todos teremos de saber lidar. E por falar nisso, estou ansiosa para saber os vossos comentários sobre o meu novo corte de cabelo - o que acham? Fica-me bem? Não me escondam nada!

xoxo,

Related Articles

12 comentários:

  1. Adorei estas mudança! O cabelo curto fica-te muito bem mesmo, estás pronta para arrasar ainda mais! Adorei! Beijinho grande

    https://whaaatifni.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Também sou fã dessas mudanças radicais e repentinas. Acho que fazem muito bem a alma!
    Beijinhos 😙🌙
    www.themooninmyroom.blogspot.com

    ResponderEliminar
  3. O cabelo curtinho fica-te tão bem que eu me sinto invejosa aha, gostava muito de não parecer um puddle com o cabelo curtinho...
    Muita sorte nesta tua mudança..
    Já estou a seguir o blog
    Um beijinho,
    http://waterfallinsidethemountain.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahah aposto que também te fica muito melhor do que pensas!
      Obrigada, beijinhos

      Eliminar
  4. Recentemente também fiz uma mudança dessas, cortei o b+cabelo curto e gostei do resultado.
    Beijinhos :)
    https://dailyvlife.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estás super in e fica super giro! Fizeste muito bem!
      Beijinhos

      Eliminar
  5. E, muitas vezes, para mudar é necessário tanta coragem!
    Mas mudar é bom! :)

    Beijinho
    abriga-tecomigo.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  6. Parabéns por estas tuas mudanças todas!! Concordo com tudo o que dizes te no texto acima, por diversas vezes já fiz mudanças no corte de cabelo por motivos que me ensinaram a crescer de forma a encaixar na sociedade :-)

    OHCRLN
    instagram: @carolinarfrancisco

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada! Sim, é verdade! É uma forma de nos adaptarmos às mudanças interiores.
      Beijinhos

      Eliminar

Thank you so much!