In Travelling

Day 1: Arriving to Barcelona (05/04)


Olá!
       Finalmente, depois de tanto tempo sem dizer nada, consegui trazer-vos uma nova publicação a contar-vos o meu primeiro dia em Barcelona. Já tinha imensas saudades (apesar de ter passado pouco mais de uma semana) de me sentar e escrever para vocês... quem me segue no Instagram sabe o quanto tem sido complicado fazê-lo desde que cheguei, por isso, estar de volta não podia ser melhor! Agora, sem mais demoras, vou mas é começar a contar-vos a minha viagem pois foi para isso que abriram esta publicação, não foi?

         O dia começou bem cedo com um voo às 6h45 para a linda Barcelona! Acordar de madrugada nem custa tanto quando o propósito é fazer uma viagem e, por isso, mesmo com uma cara de sono, não me custou nada tirar uns minutos para fotografar o meu outfit do aeroporto para vocês. Queria estar confortável mas não desleixada pois ainda tinha um dia de muitas visitas pela frente, assim vesti uma gola alta preta bem elegante com a minha saia plissada da Stradivarius e, para tornar o look mais casual, calcei uns ténis pretos da Nike que ficam sempre bem. A minha mala de viagem, para os mais curiosos, foi comprada na Misako, enquanto a mochila que me acompanhou ao longo dos dias de viagem é da Zara.

 
 
       Depois de duas horas de voo, cheguei ao bairro que iria ser a minha casa naqueles três dias: Poble Sec. O bairro era bastante rústico e agradável, os edifícios eram de tirar a respiração e a casa não podia ser mais confortável, tudo pontos positivos no início da minha estadia! Mas nada melhor do que confirmarem por vocês mesmos, por isso deixo-vos agora algumas fotos tanto da casa como do bairro e das ruas que rodeavam Poble Sec. Se alguém estiver interessado em alugar a casa, basta falarem comigo e eu mando-vos o link para tratarem da vossa reserva.
 


 

 
       Comecei a minha visita por Barcelona vendo talvez o maior cliché turístico que esta cidade tem para oferecer: a Sagrada Família. No entanto, sendo cliché ou não, acho que não estava preparada para ver a monumentalidade daquela catedral pois bastou dar um passo de saída do metro para suspirar ao ver a beleza e a grandeza da tão famosa igreja. Claro que é uma pena (e um grande estraga fotografias) estar em obras, mas acho que qualquer um esquece isso à medida que se perde pelos pormenores da fachada principal. E o interior? Bem, se o exterior é bonito, o interior deixa-nos sem palavras. Gaudí conseguiu conjugar de forma tão harmoniosa cores quentes e frias através de vitrais que nos deixam perplexos. Mas acho que palavras não chegam... vamos passar às fotos!
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
        De seguida, passei por mais um edifício lindíssimo: o Hospital de la Santa Creu i Sant Pau. Um antigo hospital que agora está aberto a visitas, mas bastou-me ver a fachada principal para ficar encantada. Vejam por vocês mesmos!

 
 

       Acabei o primeiro dia com toda uma experiência cultural do Gaudí. Primeiro passei por um cinema 4D que contava a vida e obra do arquiteto, é uma experiência muito interessante que aconselho a todos os apaixonados por cultura. E finalmente, visitei o Parque Guell, também uma obra de Gaudí, que é sem dúvida um dos grandes must-sees desta cidade! Este parque é completamente diferente dos parques a que estamos habituados e a casa de Gaudí, situada no meio do parque, combina muito bem com todo o parque. Por fim, não podia deixar de referir a vista lindíssima que os pontos mais altos nos proporcionam... apesar de custar um pouco a subir, no fim vale muito a pena.




      
       E este foi o meu primeiro dia de uma semana inteira repleta de coisas para vos mostrar! Mantenham-se atentos porque, tal como vos prometi, amanhã sairá o segundo dia desta viagem por isso, até amanhã!

xoxo,

M.
 
 

Related Articles

2 comentários:

Thank you so much!